Noticia

Greve geral contra governo da Índia mobiliza mais de 250 milhões de trabalhadores

A Índia vive, desde a semana passada, uma greve geral organizada por vários sindicatos e organizações sociais do país, em protesto contra a política de privatizações do governo do primeiro-ministro Narendra Modi, e seu pacote de flexibilização das leis trabalhistas, cujo principal item é o estímulo às terceirizações.

Os trabalhadores rurais também apoiaram a paralisação, já que defendem outras demandas relacionadas ao seu setor, como o cancelamento de três leis aprovadas recentemente que permitem às empresas do agronegócio local manter certo domínio sobre o cultivo, comércio e a fixação de preços dos produtos.

Segundo a imprensa local, mais de 250 milhões de trabalhadoras e trabalhadores aderiram à mobilização, que também pede um aumento do salário mínimo e dos benefícios da seguridade social.

Apesar de conservador com respeito a temas de direitos civis, o governo de Modi promove medidas neoliberais em sua política econômica – uma mistura que não é estranha para quem é brasileiro, já que se assemelha justamente ao governo de Jair Bolsonaro.

Por Victor Farinelli

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo