Noticia

Água não é mercadoria!

O Senado aprovou por 65 votos a favor e 13 contra o PL da privatização da água. O PT foi o único partido contrário ao texto. O acesso a serviços básicos como o saneamento não pode ser submetida a interesse privados. Cidades como Berlim, Paris e Buenos Aires, estão revendo a privatização do saneamento, tamanho resultado negativo. A população em situação de vulnerabilidade social e/ou que vivem em locais mais remotos com certeza serão os mais prejudicados caso o presidente sancione a privatização.

Segundo a deputada Erika Kokay “Esse projeto é extremamente nocivo para o país, nós vivemos em um pais extremante desigual onde parte da população não tem nem saneamento básico e nem água potável. Eles querem entregar para a iniciativa privada. E a lógica de uma empresa privatizada é o lucro. Água não se privatiza.”

O Acesso à água e ao saneamento básico é um direito humano fundamental.
Diga não à privatização da água!

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo